O que você pode aprender sobre dons e família com Encanto

O que você pode aprender sobre dons e família com Encanto

POR: TATO CAMPOS - 08.01.2022 11:45
    

 

 

Encanto é a nova animação da Disney e Pixar que é ambientada na Colômbia e segue a família Madrigal, especialmente Mirabel, a única membro da família que não tem um dom, ou poder, pois temos pessoas com habilidades incríveis, vemos curas milagrosas, super força, controle de fauna, flora e até controle do tempo e clarividência. 

Então somos apresentados a um problema, que se torna o centro do enredo do longa animado, pois a vela que representa a força do milagre divino que deu aos membros da família Madrigal seus poderes está em perigo e se a família não resolver esse problema, os poderes cessaram e eles serão apenas pessoas normais e não poderão ajudar mais sua vila. 

Porém a única que pode realmente salvar a família é Mirabel, a irmã sem poderes, pois ela consegue ver os membros da sua família além de seus dons e precisa fazer com que eles se vejam assim também. Sabemos que quando alguém tem grandes poderes, ganha também grandes responsabilidades, aprendemos isso com três tios que já se foram, mas o problema é que muitas vezes nossa confiança está basicamente colocada nos poderes, como vimos em Shazam ou no Homem-Aranha do Tom Holland, antes do último filme da franquia, Sem Volta para Casa. 

“Cada um exerça o dom que recebeu para servir os outros, administrando fielmente a graça de Deus em suas múltiplas formas.” 1 Pedro 4:10

Comentando um pouco sobre esse texto, vemos bem presente no juramento que acontece no filme, quando a Abuela fala com os novinhos da família na cerimônia de recebimento do dom, quando eles recebem um quarto especial na Casita e assim, começam suas vidas com seus poderes novos, ela é bem enfática em fazer com que a pessoa prometa usar seu dom para ajudar a sociedade, melhorando os arredores onde vivem.

Deus, o criador, nos concede dons, todos temos alguma habilidade nata que somos bons e não sabemos explicar como, mesmo que não sejamos o melhor e que o dom precise de dedicação e estudo para ser aprimorado, é algo que é fácil para nós, naturalmente. E como a primeira carta de Pedro nos ensina, precisamos servir a todos com esses dons, pois não apenas Pedro nos fala sobre isso, mas Paulo, em sua carta aos Romanos, deixa claro que precisamos colocar nossos dons em atividade. 

“Se o seu dom é servir, sirva; se é ensinar, ensine; se é dar ânimo, que assim faça; se é contribuir, que contribua generosamente; se é exercer liderança, que a exerça com zelo; se é mostrar misericórdia, que o faça com alegria.” Romanos 12:7-8.

Fazendo com que tudo ao nosso redor seja melhor pela nossa ação, pois nossos dons são uma parte da manifestação do Espírito Santo em nossas vidas, afinal de contas “Há diferentes tipos de dons, mas o Espírito é o mesmo.” (1 Coríntios 12:4) e também “Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus;” (Efésios 2:8). O que nos ensina claramente que nossos dons vieram do Pai e são dados a nós para que possamos viver uma vida com o propósito eterno de glorificar o nome de quem nos criou. 

Um dos altos pontos do filme é quando Mirabel confronta sua avó e faz com ela entenda que os membros da família não são apenas seus dons, que sua irmã Luisa não é apenas músculos, mas é uma moça que tem sentimentos, dias bons, dias ruins, assim como sua irmã Isabela, não é tão perfeita assim, mas ela pode criar flores e outros tipos de espécies de plantas, afinal a beleza do natural é não ser perfeito, pois perfeito é só aquele que criou tudo, nós somos falhos e temos nossas imperfeições, por isso buscamos estar sempre no coletivo, para que possamos ser um corpo. 

Vemos nas Escrituras Sagradas que Deus gosta da pluralidade e da coletividade, pois Ele mesmo é um Deus trino, ou seja, a trindade é real, Deus Pai, Deus Filho e Deus Espírito Santo coexistem e são Deus. Criou a instituição família, pois quando alguém se junta com outra pessoa para formar uma família, estão se tornando um perante Deus, para que gerem frutos e multipliquem como células e formem mais membros de um corpo, o Corpo de Cristo, que é representado pela igreja, onde pessoas imperfeitas buscam ser mais parecidas com Jesus a cada dia. 

Que você possa ser mais como Mirabel e menos como a avó, veja as pessoas além do que elas podem fazer, o milagre e o dom da salvação são dados às pessoas e não aos feitos delas. As obras são importantes pois refletem o caráter de alguém, não adianta ser salvo pela fé e não ter obras boas, como não adianta só ter obras e não ter um relacionamento com o Pai e Criador. Abra seus olhos e veja quem realmente importa e não o que. Valorize pessoas e não atos ou coisas! 

Seja sempre um Terráqueo com Mentalidade Celestial! 

LEIA MAIS SOBRE:
Licença Creative Commons Este conteúdo está licenciado sob a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-No Derivative Works 4.0 Brasil License.

OUTROS ARTIGOS PARA VOCÊ LER:

VOCÊ PODE GOSTAR DISSO:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Para o bom funcionamento do site, necessário aceitar os coockies. Veja quais são eles.